Time GRANDE!

Como você sabe que um time é Grande, mas GRANDE, mesmo? Quando os torcedores de TODOS os outros times torcem contra ele, oras!

Do proprietário deste blog, Marcos Doniseti.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Willian, de novo! Corinthians vence Inter e mantém 100% no Pacaembu!

Willian, de novo! Corinthians vence Inter e mantém 100% no Paca

Assim como no jogo contra o Atlético-GO, atacante marcou no segundo tempo e garantiu sexta vitória seguida do Timão

Willian comemora gol contra o Internacional (Foto: Miguel Schincariol)
Ciro Barros - Publicada em 14/07/2011  às 22:55  - São Paulo (SP)
 
Willian decidiu mais uma vez. Assim como no jogo contra o Atlético-GO, o atacante foi o herói da vitória por 1 a 0 sobre o Internacional, nesta quinta-feira, no estádio do Pacaembu, em jogo válido pela 12ª rodada do Brasileirão.

A vitória aumentou o estado de graça que o torcedor corintiano vive com seu clube atualmente. Além de invicto na competição (igualou a maior série da era dos pontos corridos), a equipe se mantém 100% na competição e na liderança, com 25 pontos, em nove jogos e com seis vitórias nos últimos seis jogos. Segundo o matemático Tristão de Souza, o Timão alcançou uma meta: fez um terço dos pontos necessários para alcançar o título (76).

Já o Internacional se mantém na sexta colocação na tabela, com 15 pontos, mas chegou à sua segunda vitória seguida no Campeonato Brasileiro e mantém um aproveitamento irregular fora de casa: de seis jogos, ganhou apenas dois.

O jogo foi muito equilibrado e decidido nos detalhes. No primeiro tempo, muita movimentação, alternativas táticas e qualidade de marcação. No segundo, Willian decidiu para o Timão ao converter o gol em uma ótima jogada ofensiva.

Jogo parelho no primeiro tempo

Na primeira etapa de jogo, o que se viu em campo foi muita movimentação e alternativas táticas. Corinthians e Internacional demonstravam muita versatilidade ofensiva com homens de frente que alternavam posições a todo momento. No Inter, destaque para Leandro Damião que hora caía pelo lado, hora ficava mais fixo e hora armava a equipe. No Corinthians, Willian assumia este papel.

Apesar de um jogo parelho em termos de versatilidade tática, o Internacional levou pequena vantagem em termos de marcação. O bom combate dado pelo sistema defensivo do Inter ao ataque alvinegro fez com que o Corinthians chegasse, mas criasse poucas chances agudas, com exceção do chute de Willian, aos 26 minutos. O Inter também rondava a área, mas tinha mais facilidade para trocar passes, apesar da também efetiva marcação corintiana.

No começo do jogo o Corinthians levou vantagem e conseguiu ter mais alternativas até os 20 minutos, depois o Inter foi quem levou a melhor. Contudo, o jogo de uma forma geral foi marcado por um grande equilíbrio.

A grande chance de gol foi do Internacional, aos 29 minutos. Leandro Damião recebeu dentro da área, driblou Julio Cesar e tentou rolar para o meio. Contudo, Fabio Santos apareceu para cortar o perigo. O segundo tempo prometia maior emoção com os dois times saindo mais para o jogo.

Partida pega fogo e Timão decide!

Logo aos dois minutos, uma grande chance para o Timão. Alex viu Muriel adiantado e mandou uma falta lateral direto para o gol. O goleiro colorado fez grande defesa e evitou o gol. O lance foi emblemático do começo do segundo tempo: Corinthians saiu para definir a partida e o Inter recuou um pouco e esperou pelos contra-ataques, que saíam muito perigosos.

Tão perigosos que, não fosse Welder desviar o passe de Oscar com a ponta da chuteira, aos 16 minutos, Leandro Damião abriria o placar para o Internacional. O jogo permanecia indefinido e muito movimentado por ambas as equipes. Apesar dos 25 minutos, a partida pegou fogo e permaneceu igual e aberto.

Willian teve a chance de liquidar a partida, aos 27, após grande contra-ataque armado por Emerson e Jorge Henrique. Sem definição, o jogo crescia em emoção e deixava atônitos os mais de 30 mil expectadores que o acompanhavam.

E aos 31, Williant teve nova oportunidade de decidir e desta vez não desperdiçou: Fábio Santos cruzou da esquerda, Emerson fez o corta luz e a bola parou em Ralf. O volante rolou para Willian que acertou grande chute cruzado e abriu o placar para o Corinthians. O Inter pressionou, mas não conseguiu impedir a nova vitória corintiana.

Próximos jogos

O Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, dia 20, quando enfrenta o Botafogo, no estádio São Januário. Já o Internacional encara o São Paulo, no próximo domingo, dia 17, no Beira-Rio.

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS 1 X 0 INTERNACIONAL

Estádio: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/hora: 14/7/2011 - 21h
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Auxiliares: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Guilherme Dias Camilo (Asp. Fifa-MG)
Renda/público: R$ 1.197.674,50 e 33.329 pagantes
Cartões Amarelos: Zé Roberto (INT);
Cartões Vermelhos: -
GOLS: Willian, 31'/2ºT (1-0)

CORINTHIANS: Julio Cesar, Welder (Wallace, 39'/2ºT), Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Willian (Edenílson, 39'/2ºT), Alex e Jorge Henrique; Liedson (Emerson, 18'/2ºT). Técnico: Tite.

INTERNACIONAL: Muriel; Nei (Gilberto, 41'/2ºT), Bolívar, Juan e Kleber; Bolatti (Glaydson, 30'/2ºT), Guiñazu, Oscar e D'Alessandro; Zé Roberto (Alex, 30'/2ºT) e Leandro Damião. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Link:
http://www.lancenet.com.br/brasileirao/Willian-Corinthians-Inter-mantem-Paca_0_517148520.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário