Time GRANDE!

Como você sabe que um time é Grande, mas GRANDE, mesmo? Quando os torcedores de TODOS os outros times torcem contra ele, oras!

Do proprietário deste blog, Marcos Doniseti.

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Viva o Timão, Campeão da Libertadores! Salve a nação corinthiana!- por Zé Dirceu!

Viva o Timão, Campeão da Libertadores! Salve a nação corinthiana!- por Zé Dirceu, do seu blog, Publicado em 05-Jul-2012
 
ImageViva o Corinthians! Com os quase 40 mil fiéis torcedores que foram ao Pacaembu - milhares não conseguiram entrar e fizeram a festa do lado de fora do estádio -, mais os milhões por estes São Paulo e Brasil inteiro, comemoramos ontem, com a fé de sempre de que venceríamos e com muito orgulho, a conquista da Taça Libertadores pelo nosso glorioso Timão.

No meu caso de torcedor fanático há muito do Corinthians - não há como não assumir! - minha primeira paixão não foi o Timão, mas sim o Flamengo. Ainda menino na minha pequena Passa-Quatro, nas Minas Gerais, eu tinha duas grandes paixões, o cinema (Sombra e Dick Tracy) e o futebol, o rubro-negro, o Mengo.

Assisti feliz e orgulhoso ao Flamengo ser tricampeão em 1955. Não me esqueço de Joel, Dida, Evaristo, Dequinha, Índio, Servilio, Pavão e do nosso Zagallo. Mas em 1961, ao chegar a São Paulo, aos 14 anos, para trabalhar como office-boy e estudar à noite, apaixonei-me á primeira vista pelo Timão.

Uma paixão e um amor de 51 anos


ImageAliás, como o Flamengo, amado e querido pelo povão. Já são, então, 51 anos de paixão, alegrias e tristezas, mais as duas primeiras que a última. Na tristeza, tiro de letra as gozações sem fim dos amigos são-paulinos e palmeirenses.

Não esqueço o ano de 1977 quando, em meio a tantas tristezas e medos, ainda vivendo como clandestino no Paraná durante a ditadura, tive a alegria de ver nosso Coringão ser campeão de novo, com aquele gol de Basílio fazendo explodir o coração de 80 mil corinthianos no Morumbi e milhões pelo Brasil, depois de 23 anos do longo jejum.

Naquela tarde, lá em Cruzeiro do Oeste (PR), onde vivi a minha clandestinidade, eu estava feliz, comemorando a volta do Timão, ainda sem imaginar que meu filho Zeca, que nasceria em 1979, seria um corinthiano dos bons - assim, um amor pelo Corinthians passado de pai para filho. Com o Zeca, assisti pela 1ª vez a um jogo do Corinthians num estádio, o do Morumbi.

Ainda com a alegria incontida da conquista de ontem, dou os parabéns ao Emerson, autor dos dois gols, ao Tite, a todo o time que foi muito bem, verdadeiros heróis em campo - principalmente pela alegria que nos dão -, e aos milhões de integrantes da nação conrinthiana. Depois de Campeão Brasileiro de 2011, Campeão da Libertadores agora. Longa vida ao Timão!

Link:

http://www.zedirceu.com.br//index.php?option=com_content&task=blogcategory&id=1&Itemid=106

http://www.zedirceu.com.br//index2.php?option=com_content&task=view&id=15728&pop=1&page=0

Nenhum comentário:

Postar um comentário