Time GRANDE!

Como você sabe que um time é Grande, mas GRANDE, mesmo? Quando os torcedores de TODOS os outros times torcem contra ele, oras!

Do proprietário deste blog, Marcos Doniseti.

domingo, 6 de agosto de 2017

Corinthians dá show e derrota o Sport na Arena! - Marcos Doniseti!

Corinthians dá show e derrota o Sport na Arena! - Marcos Doniseti!
Estas são algumas das inacreditáveis realizações do Corinthians no primeiro turno do Brasileiro 2017. E segundo os matemáticos o Corinthians já tem vaga garantida na Libertadores de 2018 e não tem mais qualquer chance de ser rebaixado.

O Corinthians encerrou o primeiro turno do Brasileiro 2017 com a melhor campanha da história dos campeonatos de pontos corridos que contaram com a participação de 20 clubes, totalizando 47 pontos entre 57 possíveis, com a vitória conquistada sobre o Sport (3 X 1) em sua Arena. 


Estou indo a todos os jogos do Timão, na Arena, neste Brasileiro. 

Assim, posso afirmar, com tranquilidade, que esta foi a melhor partida do Corinthians nesta temporada. O Timão jogou muito bem. Todos os jogadores tiveram uma excelente atuação, com destaque para Clayson, Rodriguinho, Fagner e Romero. 

Gabriel e Maycon também atuaram muito bem na proteção à defesa corintiana (o que sempre acontece, aliás) e Pedro Henrique fez uma ótima partida, muito segura, chegando a marcar o terceiro gol do Timão (de cabeça, em escanteio muito bem cobrado por Clayson). 

Maycon faz um campeonato fantástico e está atuando de forma mais ofensiva, chegando mais ao ataque e finalizando mais. Cássio fez algumas excelentes defesas, fechando o gol corintiano, impedindo que André marcasse dois gols feitos, cara a cara com o jogador do time pernambucano.

A partida se desenvolveu de tal maneira que sequer parecia que o Corinthians jogava contra o sexto colocado do Brasileiro, mas sim contra um dos últimos colocados, tal a diferença entre os dois times. 

O Corinthians entrou focado na partida pressionando o Sport desde o início. E com cinco minutos já tivemos uma boa finalização de Rodriguinho (um dos melhores do jogo e que fez uma das melhores atuações dele no Timão), que o Magrão espalmou para escanteio.

No entanto, apenas três minutos depois o Corinthians abriu o placar com um chute cruzado e forte de Arana, que pegou uma bola difícil, de primeira, fora da área, pois ela veio quicando no gramado. O Corinthians ainda teve outras chances para marcar (duas com Rodriguinho e outras duas com Clayson), mas o primeiro tempo terminou 1 X 0. 

Enquanto isso, Cássio pouco foi exigido, a não ser em um escanteio e em chutes de fora da área que ele defendeu com tranquilidade. 

No segundo tempo, Rodriguinho fez um belíssimo gol logo aos 17 segundos e matou o jogo. Dali em diante, o Sport (que tem um bom time e que não joga na retranca) tentou ir para a frente, com Luxemburgo tirando Osvaldo e Everton Felipe do time, mas isso não impediu o Corinthians de marcar o terceiro em uma cobrança de escanteio. O Sport diminuiu depois, com um belo gol, em um chute indefensável desferido por Thallyson. 

Embora o Corinthians tenha dado uma relaxada após marcar o terceiro gol (com a torcida gritando 'olé' e fazendo sucessivas 'Olas'), a vitória foi garantida, para desespero dos rivais, que acreditavam que o Timão iria 'despencar' no campeonato. 

Como muitos já afirmaram, o Corinthians é um time muito bem organizado taticamente, possuindo um sólido sistema defensivo. 

E uma demonstração clara disso é que os times adversários precisam finalizar 29 vezes para conseguir marcar um gol no Timão. Enquanto isso, bastam 7,5 finalizações para marcar um gol no São Paulo, 8,5 finalizações para marcar um gol no Palmeiras, 9 finalizações para marcar um gol no Flamengo e 12 finalizações para marcar um gol no Grêmio.

Obs: Estatística obtida no Twitter, na conta do 'Footstats'. 

Algumas observações sobre o Corinthians!

1) Em um determinado momento do primeiro tempo, Jô percebeu que o Sport estava apenas com Magrão e mais um jogador para fazer a saída de bola. Ele fez um sinal com o braço esquerdo, chamando outros jogadores para marcar e o resultado é que o jogador do Sport foi pressionado na linha de fundo e teve que dar um chutão para a frente e a bola voltou para o Corinthians;

2) A recomposição defensiva do Corinthians é muito rápida. É comum ver o time perder a bola no ataque e os jogadores voltarem rapidamente para formar as linhas defensivas. E isso acontece também quando algum jogador perde a bola. Ele se posiciona rapidamente para impedir que o adversário inicie uma jogada de contra-ataque;

3) O público na Arena superou 41.200 pagantes e a arrecadação ultrapassou os R$ 2,4 milhões. É provável que os jogos na Arena terão sempre um público superior a 40 mil pessoas até o final do campeonato Brasileiro;

4) No momento em que se anunciava a escalação do Corinthians, os jogadores mais aplaudidos foram Jô e Romero. Depois deles, o mais aplaudido foi o treinador Fábio Carille;

5) Clayson fez a sua melhor partida pelo Corinthians. Ele parece ter sentido a pressão de jogar por um time tão grande, com uma torcida que cobra muito os jogadores e que havia acabado de ser campeão Paulista. Gradualmente ele foi se soltando nas partidas, ganhando confiança. 

Assim, o seu desempenho melhorou bastante e foi um dos melhores nesta vitória contra o Sport, sendo bastante aplaudido quando foi substituído por Pedrinho;

6) Pedrinho entrou muito bem na partida, partindo para cima dos adversários, driblando, construindo boas jogadas, ao mesmo tempo em que recuou para fechar a marcação na defesa. Percebe-se rapidamente que ele é um jogador diferenciado, que pensa rápido, toca a bola com facilidade e com muita categoria. O Corinthians está preparando para ser titular em breve, como o próprio Fábio Carille disse recentemente. Ele precisa apenas ser lapidado e lançado sem sustos. Tem grande futuro essa joia corintiana;

7) Romero fez uma excelente partida. Inclusive, ele não é mais aquele jogador que apenas corre e marca com intensidade, voltando para fechar o lado esquerdo da defesa corintiana e bloqueando os contra-ataques dos adversários. Ele também evoluiu muito no aspecto técnico, sendo que passou a errar muito menos passes, a dar assistências, a driblar (em um certo momento da partida contra o Sport ele passou por dois jogadores do Sport) e a dominar a bola com facilidade e categoria;

8) Apesar das ausências de Pablo e Jadson, dois titulares incontestáveis, o Corinthians fez uma ótima partida. Clayson e Pedro Henrique, seus substitutos, foram muito bem. E quando Arana sentiu dores, Léo Príncipe (que é lateral direito) entrou em seu lugar e jogou bem (Moisés não estava no banco de reservas, pois não foi relacionado para a partida). 

Logo, sempre que o Corinthians precisa usar dos jogadores reservas eles estão correspondendo às expectativas. Isso mostra que o Corinthians não tem apenas um time titular, mas também possui um bom elenco;

9) A formação usada por Fábio Carille contra o Sport deixou o Timão mais leve, rápido e ofensivo e mostra que ele poderá mudar o esquema de jogo do time quando assim o desejar e que isso não resultará em queda na qualidade do jogo do Corinthians, muito pelo contrário;

10) O Corinthians ficará duas semanas sem jogar. Sua próxima partida será apenas contra o Vitória, na Arena, no dia 19/08, pois a Chapecoense fará alguns jogos no exterior e a partida contra o time catarinense (que será na Arena Condá), que deveria ocorrer no próximo domingo (13/08), acontecerá apenas no dia 23/08. 

Com isso, o Corinthians terá tempo para treinar novas jogadas e posicionamentos, recuperar jogadores que estão desgastados fisicamente e que se encontram lesionados, o que será bom para o Timão;

11) Se o Corinthians mantiver a mesma seriedade e determinação que tem demonstrado até agora nesta temporada, e no campeonato Brasileiro, muito dificilmente deixará de conquistar o título. Mas é bom que se ressalte: Não tem nada decidido, ainda. E os próprios jogadores do Timão estão muito conscientes do fato, tanto que após o jogo contra o Sport o discurso de todos era o mesmo: manter o foco, respeitar os adversários e pensar sempre no próximo jogo.

Comentários sobre os resultados da 19a. rodada!

Corinthians e Grêmio venceram as suas partidas (contra Sport e Atlético-MG, respectivamente) e, logo, a diferença de 8 pontos do Timão para o time gaúcho se manteve inalterada. O Corinthians chegou a 47 pontos (82,5% de aproveitamento) e o Grêmio atingiu os 39 pontos (68,4% de aproveitamento). 

Enquanto isso, o Santos (35 pontos; 3o. lugar) empatou com o Avaí (0 X 0), o Palmeiras (32 pontos; 4o. lugar) perdeu para o Atlético-PR (0 X 1) e o Flamengo (29 pontos; 5o. colocado) foi derrotado pelo Vitória (0 X 2), o que resultou na demissão do treinador Zé Ricardo neste domingo. O time paranaense chegou a 26 pontos e subiu para a 8a. posição. 

O Cruzeiro empatou com o Botafogo (0 X 0), resultado que foi ruim para os dois times. O time mineiro tem 27 pontos (7o. colocado) e o time carioca chegou a 25 (11o. colocado). 

O Fluminense derrotou o Atlético-GO (3 X 1) e chegou aos 25 pontos (10o.colocado). 

Já o Bahia derrotou o São Paulo (2 X 1), subiu para 23 pontos (13a. posição; mesma pontuação do Galo mineiro, que é o 14o. colocado) e manteve o tricolor paulista no Z4 (19 pontos, 17a. posição). Apenas o Vitória (19 pontos), Avaí (18 pontos) e Atlético-GO (12 pontos) estão abaixo do SPFC na tabela de classificação. 

Ponte Preta 0 X 0 Vasco foi outro resultado ruim para os dois times. O time campineiro chegou a 22 pontos (15a. colocação) e está próximo do Z4. Já o Vasco subiu para 24 pontos e está na 12a. posição. 

Apenas 5 pontos separam o Vasco (12o. colocado) do Vitória (18o. colocado). 

O Coritiba derrotou a Chacoense (2 X 0) e subiu para a 9a. posição (25 pontos), enquanto que a Chape está na 16a. colocação, com 22 pontos. 

Neste momento, o Corinthians ainda permanece como o grande favorito à conquista do título, mas o Grêmio continua tentando ir no seu encalço. A estratégia de Renato Portaluppi é clara: Fazer o Grêmio ir vencendo os seus jogos e torcer para que o Corinthians sofra uma queda de rendimento e perca algumas partidas (no mínimo três), o que permitiria ao time gaúcho assumir a liderança do campeonato. 

Os demais clubes se distanciaram. O Santos 'tropeçou' ao empatar com o Avaí e permitiu que Corinthians e Grêmio aumentassem a diferença em dois pontos. A derrota do Palmeiras, que jogou com um time recheado de reservas, para o Atlético-PR também mostra que o time está focado, agora, na Libertadores. Afinal, a diferença em favor do Corinthians já é de 15 pontos. 

O Flamengo ficou ainda mais longe do Timão ao perder para o Vitória e, agora, está 18 pontos atrás do líder. Pode-se dizer que Palmeiras e Flamengo não são mais candidatos ao título do Brasileiro, a não ser que Corinthians e Grêmio despencassem, o que não deverá acontecer, pois são dois times muito bem organizados e que contam com bons elencos. 

Do Sport (28 pontos; 6a. posição) para o Vasco (24 pontos; 12a. colocação) temos apenas 4 pontos de diferença. Entre eles há Cruzeiro, Atlético-PR, Coritiba, Fluminense e Botafogo. Estes times irão brigar pela sexta e última vaga da Libertadores. 

E o São Paulo, que apontava para iniciar uma recuperação depois de derrotar o Botafogo, perdeu dois jogos importantes (Coritiba e Bahia) na sequência. Isso mostra que Dorival Jr. terá muitas dificuldades para evitar o rebaixamento do tricolor paulista. 


Links:

Os matemáticos e o Corinthians no Brasileiro 2017:

https://www.meutimao.com.br/noticia/258205/matematicos-ja-fazem-as-contas-quais-as-chances-de-titulo-e-libertadores-do-corinthians

Classificação do Brasileiro:

https://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileirao/jogos/

Nenhum comentário:

Postar um comentário